Quarta, 19 de Janeiro de 2022
29°

Pancada de chuva

Paraíso do Tocantins - TO

Justiça Tocantins

Tocantins tem 693 custodiados inscritos no Enem PPL a ser realizado neste domingo, 9

Custodiados de Augustinópolis que farão o Exame passaram por aulão pré-Enem realizado pela Escola Estadual Fazenda Dezesseis

07/01/2022 às 20h40
Por: Portal ToNotícias Fonte: Secom Tocantins
Compartilhe:
Custodiados da Unidade Penal de Augustinópolis receberam um Aulão com todos os principais assuntos das matérias exigidas - Foto: João Pedro Gomes/Governo do Tocantins
Custodiados da Unidade Penal de Augustinópolis receberam um Aulão com todos os principais assuntos das matérias exigidas - Foto: João Pedro Gomes/Governo do Tocantins

A educação é um dos direitos garantidos na Lei de Execução Penal, além de colaborar para a transformação de vida dos custodiados. Pensando nisso, a Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju), em parceria com a Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), aplicará o Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privadas de Liberdade (Enem PPL). Ao todo, 693 custodiados das unidades penais do Tocantins estão inscritos para a prova que será aplicada em dois domingos seguidos, dias 9 e 16 de janeiro.

O gerente substituto de Reintegração Social, Trabalho e Renda ao Preso da Seciju, Erick Bruno Valadão, disse que aguarda que com a aplicação do Exame, os privados de liberdade consigam trilhar novos caminhos em suas vidas. "Sempre temos expectativa que o custodiado mude a sua vida para melhor viver na sociedade. Esperamos que um bom número de custodiados passem, que tenham chance de melhorarem as suas próprias expectativas de futuro”.

Aulão Pré-Enem

Para se prepararem para a realização dos exames, os custodiados da Unidade Penal de Augustinópolis receberam na quarta e quinta-feira, 5 e 6, um Aulão Pré-Enem realizado por professoras e equipe da Escola Estadual Fazenda Dezesseis.

A professora de Matemática, Tatiane de Sousa Silva Costa, é uma das idealizadoras desta ação, que ocorre desde 2020. De acordo com ela, os alunos estão preparados. “Quando dou aula para os custodiados, sempre obtenho resultados positivos além do esperado. Eles são ótimos estudantes e fico feliz que estejam buscando novos caminhos para suas vidas. Às vezes, nem minhas aulas com alunos regulares rendem tanto quanto na Unidade Penal de Augustinópolis”, destacou, lembrando que as aulas foram conduzidas juntamente com a professora Mariana Alves de Almeida.

O chefe de segurança da Unidade, Edivanio Pereira Silva, auxiliou na logística durante o Aulão e afirmou que a oportunidade gerada por meio da educação é de suma importância. "A ação dá esperança de uma vida melhor para os presos. Com a educação, eles vislumbram uma vida melhor lá fora, se empenham para saírem da situação em que se encontram e ingressarem em uma faculdade, conseguirem um bom emprego. Esse aulão é necessário para que eles possam chegar à prova com mais preparo. O investimento na educação, capacitação e profissionalização transforma o custodiado e o faz sair daqui com um pensamento diferente", disse.

Os principais assuntos abordados nos aulões foram relacionados às matérias que estão presentes no Enem. No primeiro dia, as professoras abordaram Linguagens, Códigos e suas Tecnologias (Português, Literatura, Artes, Tecnologia da Informação) e Redação. Já o segundo dia abordou Ciências da Natureza (Biologia, Química e Física), Ciências Humanas (História, Geografia, Filosofia e Sociologia), e Matemática e suas tecnologias.

Enem PPL

O Enem PPL segue metodologia e cronograma diferenciados. As inscrições, para esse público, são feitas pela equipe técnica das unidades penais e possibilita a inclusão do custodiado no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), quando alcançadas as médias estipuladas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Os cinco estabelecimentos penais no Tocantins com maior número de inscritos foram: Unidade Penal de Palmas (143); Unidade de Segurança Máxima de Cariri do Tocantins (86); Unidade de Tratamento Penal Barra da Grota (66); Unidade Penal de Paraíso do Tocantins (66); e Unidade Penal Regional de Guaraí (46).

Também foi registrado um aumento de 27% no número de participantes comparado ao ano passado, que registrou 542 inscritos.

(Colaboração: Lauane Santos/Governo do Tocantins)

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias