Quarta, 19 de Janeiro de 2022
29°

Pancada de chuva

Paraíso do Tocantins - TO

Geral Tocantins

Governo do Tocantins consegue autorização do Ministério da Agricultura para manutenção de cultivo excepcional de soja nas planícies tropicais

Pedido foi feito pela Adapec em novembro do ano passado

11/01/2022 às 11h15
Por: Portal ToNotícias Fonte: Secom Tocantins
Compartilhe:
Tocantins mantém a excepcionalidade do plantio de soja nas planícies tropicais do Estado - Foto: Adapec/Governo do Tocantins
Tocantins mantém a excepcionalidade do plantio de soja nas planícies tropicais do Estado - Foto: Adapec/Governo do Tocantins

Após solicitação do Governo do Tocantins, por meio da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec), ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) requerendo a manutenção da autorização de cultivos excepcionais de soja realizados nas planícies tropicais tocantinenses sob o sistema de subirrigação, este, acatou o pedido da Agência e está mantida a autorização para fins de pesquisa, ensino e produção de sementes.

Segundo o gerente de sanidade vegetal da Adapec, Marley Camilo, a partir deste ano o Mapa estabeleceu que os estados que cultivam soja no período de excepcionalidade à janela de semeadura devem oficializar este pedido anualmente. “O Mapa autorizou o plantio para três finalidades, sendo elas: pesquisa, ensino e produção de sementes,” esclareceu Marley Camilo.

Para o presidente da Adapec, Paulo Lima, a manutenção do cultivo excepcional de soja nas planícies tropicais é um reconhecimento do trabalho da Adapec na defesa fitossanitária. “Sobretudo, no controle da ferrugem asiática, principal praga da cultura da soja. Além de possibilitar o avanço em pesquisas e a manutenção da produção de sementes para o Tocantins e estados circunvizinhos, reconhecidas sempre pelo seu alto vigor,” destacou Paulo Lima.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias